quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

Que Isso? Luzes a piscar? Não, nós voltamos com o natal


pictures apresenta: O post especial de natal da Disney
Versão Marshmallow São Paulo.

    Como vocês com certeza sabem, a Disney é mágica demais pra não ter trocentos especiais de natal e diva o bastante pra ter um post exclusivo, então "e lá vamos nós" (e eu sei que pica pau não é da Disney, logo a frase "e lá vamos nós" também não, mas essa frase era propícia)


Então é Natal




"Então é Natal, e o que você fez?
O ano termina, e nasce outra vez
blá,blá,blá
Que seja feliz quem souber o que é o bem"


Eae galeraaaa!!!onze!!1

Como todos vocês pediram,uma pessoa na verdade, voltamos com o blog! Sinceramente, eu fiquei com muita saudade e sempre visitava o Th3 Perks e lia os meus posts, criticando a forma como eu escrevia e meus erros gramaticais.



Eu adoro o Natal, mesmo sendo *algo que eu não posso falar porque tenho medo de meus parentes visitarem esse blog*, eu continuo amando o Natal. Então, a equipe do TP resolveu criar posts especias para esse feriado tão amado. 

Não sei se vocês sabem, mas eu quero cursar Publicidade e Propaganda (por falar nisso eu não passei em nenhuma faculdade esse ano, então tô tristí).Portanto, se tem uma coisa que eu amo são os comerciais de fim de ano. Eles são mágicos! E não tem como falar de Natal sem falar da Coca, pois foi ela que popularizou o bom velhinho nos comerciais e propagandas:

F*ck Coca, me fez chorar outra vez


We're back, Bitches


Nessa época de paz e alegria, o Th3 Perks traz até você um presente muito especial que temos certeza que vossa pessoinha esperava muito ganhar
















O nosso retorno triunfal, é claro. (E o desejo de que você ganhe muitos outros presentes de verdade).
    Esse post é mega especial porque além de ser o nosso retorno, é véspera de natal, nenhum de nós tá fazendo nada mais legal do que isso e o gif de abertura é de Friends (e eu esperei o ano inteiro pra usar ele); logo, esse post vai ser tão gigantesco quanto o tempo antes de o natal começar permitir, e esse especificamente é o post guia pras ramificações dele, tipo uma gigante arvore genealógica de natal.

                                          ________________ ._/\\_.
                                          ________________ .>,“<.
                                          _________________ PAZ
                                          _________________SÉRIES
                                          ________________Alegrias
                                          _______________Esperanças
                                          ______________FILMES_Sucesso
                                          _____________Realizações_Luz
                                          ____________Respeito___Frutas
                                          ___________Saúde__solidariedade
                                          __________Felicidade___Humildade
                                          _________ESPECIAIS DE NATAL_Amor
                                          ________Amizade__Sabedoria_Perdão
                                          _______Igualdade_Liberdade_Boa.sorte
                                          ______Sinceridade_DISNEY__Fraternidade
                                          _____Equilíbrio__Dignidade__Benevolência
                                          ____Fé_MÚSICAS_Paciência_Brandura_Força
                                          __ Tenacidade_Prosperidade_Reconhecimento
                                          _______________*********
                                          ______________***********
                                          ____________**************
                                          ______**************************
                                          ____******************************
                                          _________(`“•.¸(`“•.¸ ¸.•“´) ¸.•“´)
                                          ________« * .* FELIZ NATAL! *. * »
                                          _________(¸.•“´(¸.•“´E`“•.¸)`“ •.¸)
                                          _(`“•.UM ANO NOVO DE REALIZAÇÕES!.•“´) 

A árvore está torta porque nós não conseguimos centraliza-la um forte vento atingiu ela

                                      

Desejamos que vocês acreditem que têm um Natal tão divertido quanto o da Susana Vieira, a Diva do Brasil.


~Merry Christmas Always
Ou só amanhã mesmo, porque não é natal sempre
a não ser que seja natal sempre em seu coração, daí pode ter um feliz natal sempre
a não ser que você tenha depressão e nunca esteja feliz
~Gio

                                      
             

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Aquele em que falamos Adeus


Eai galera,
não sabemos se alguém ainda acessa o blog, mas caso acesse, deve ter percebido que não postamos há bastante tempo, o motivo é a falta de tempo. Nós três estamos no último ano do ensino médio e com a chegada de vestibulares, etc., não temos tempo para nada.

Não é um adeus, é um possível "até logo, nos vemos em breve" (é o que eu espero), porque nós fizemos esse blog com muita felicidade. Algum dia voltaremos, mas até lá leiam Perks, tenham seus dias de glória, se apaixone por gifs e participem.

Até logo 
~rod

domingo, 15 de junho de 2014

Partiu partido partidaço




Não tem como não amar essa preguicinha.
   Eu resolvi que queria fazer um post, mas não fazia ideia da temática, então fiquei olhando pro nada, e não havia nada de inspirativo e interessante la. Então fiquei olhando pro feed de notícias do face, onde tem um pouco mais de nada que parece ser alguma coisa mas nunca é. Mas pãm pãm pãm, dessa vez até que deu, porque recebi uma notificação de uma amiga minha me convidando para o evento "Mesa redonda para discutir se ela é uma Deusa, uma louca ou uma feiticeira", e não que esses eventos zoados mega legais fossem novidade pra mim (porque eu já havia convidado essa mesma amiga pra uns pares), mas graças à notificação que eu percebi que eu poderia fazer esse post. Tem vários desses por aí, mas o meu é especial porque eu estou escrevendo, eu tirei os prints e meu post começa com uma preguicinha bocejando.

Acho digno

domingo, 1 de junho de 2014

You Can't Say No Forever



Eae galera, não posto nada faz séculos, eu sei, mas é porque estou numa correria do cursinho-escola-vôlei-deus-inglês que não tenho tempo nem para tirar selfie's com um copo do Starbucks na mão e postar no Instagram... é foda.

Porém hoje estou aqui para falar sobre uma música fodona que ouvi em uma série fodona (Skins) que me deixou com um sentimento fodão. Conhece a banda Lacrosse - e não, não é o esporte-?
É uma banda sueca de pop indie com o vocal feminino e masculino ao mesmo tempo, a música que quero mostras pra vocês é a You Can't Say No Forever (olha, mesmo título do post, que coincidência):

sábado, 17 de maio de 2014

Um Estudo Detalhado e Totalmente Inútil - #Mortes de Harry Potter

   Exatamente isso que foi lido no título legível, esse post é o primeiro de uma série (ou não, depende da minha capacidade de pensar em outro tema ou dos meninos escolherem um pra mim) que busca levar até vocês análises inúteis sobre cultura também inútil e que provavelmente nada mudará em suas vidas.



domingo, 20 de abril de 2014

O maravilhosamente maravilhoso mundo dos gifs 3D


  Olô pessoas pelo mundo a fora que gostam de efeito 3D, que se assustam no cinema com o efeito 3D, que têm pinos nas pernas ou que estão com a coluna torta enquanto leem isso.


    Vocês devem saber sobre o tumblr, uma rede social super difícil de explicar do que se trata quando você tem um e te perguntam do que se trata, mas podemos dizer que é quase um blog. Atualmente eu não uso muito o meu tumblr, salve raras vezes, mas houve uma época em que eu realmente me divertia por lá; e não, eu nunca me cortei.
    Quem já foi ou é um unicórnio (eu não devia ter escrito isso, vou ser zoada, mas dane-se, EU SOU UM UNICÓRNIO)¹ sabe que o tumblr tem certos gifs que NUNCA saem de moda (como o do Jensen, Rony, Demi e Raven) e também é repleto de épocas de modas de gifs. Na maior parte do tempo, os photosets de filmes e séries dominam os gifs, alem dos comuns usados em posts de humor, mas durante uma curta época o tumblr viu, na minha opinião, a sua moda gifenta mais intensa: os Gifs 3D.
   Foi uma época boa, eu amava, ficava louca esperando surgirem dos meus filmes favoritos pra poder reblogar violentamente; isso ja faz um bom tempo, mas estou aqui para lhes mostrar como esses gifs são legais e como a moda foi boa.


The Best ever

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Ficando maravilhado em 8 minutos com Th3Perks - Audio 3D



Não temos tempo para saudações.

   Recentemente eu ouvi uma das coisas mais fodas da minha vida (além de Sons of an Illustrious Father - aguardem post sobre) e só peço que vocês escutem, seguindo as seguintes regras:
1° Com fones de ouvido
2° De olhos fechados
3° Procurando se mexer o mínimo possível, como se estivesse vendado, amarrado e sendo torturado.

Agora, por favor, ouçam essa magnificência do mundo:


terça-feira, 8 de abril de 2014

Coisas inúteis que nos fazem mais felizes #1

          Olá. Tudo bom? Este é o primeiro post de não sei quantos da seção Coisas inúteis que nos fazem mais felizes (tive que pesquisar no Google se o certo era seção ou sessão, nunca sei a diferença).
Estava eu refletindo sobre a vida na minha humilde residência, pensando em algum tema sobre o qual eu poderia escrever. Então surgiu uma ideia na minha cabeça: tem tanta coisa inútil que compramos porque achamos legais e bonitos e fofos e muitos outros adjetivos também inúteis.
Eis o tema de hoje: copos.
Sim, copos.
Quem nunca, andando pelo mercado, passou pela prateleira das louças e achou aquela obra prima do designer e legaleza (?), e começou a berrar: -Mãããããããããee, olha isso! – poisé. (Vocês também já fizeram algo do tipo ou eu que sou doente?)
Pois bem, vamos pular o lenga lenga e partir pra parte legal.


Algum de vocês já viu dois copos dançando (não sendo em filmes como A Bela e a Fera ou Alice no País das Maravilhas)? 



sábado, 5 de abril de 2014

Falas épicas de filmes #1


Olá, olá, olá. Vocês devem ser nossos leitores¹.

The audience will stop and cheer
So delightingIt 
will run for fifty years.


    Normalmente para um filme estar entre os meus favoritos, ele tem que ter que ter uma fala absurdamente boa, daquelas que eu poderei usar pro resto da vida, em capa de caderno, outdoor, botton ou lápide. 
    Procurei reunir nesse post as melhores citações possíveis dentre meus filmes favoritos (e os do Jon) e ele será dividido em dois ou duzentos (porque existem filmes demais, eu amo filmes demais e eles têm citas boas demais). Lembrando que: são as minhas frases favoritas, e foda-se as épicas às quais vocês estão acostumados.

Tutô em gif porque a vida em gifs é mágica.

"Isso não é voar. Isso é cair com estilo."
Começando com a mais épica de todos os tempos, que pode ser usada em todos os momentos (ou nem tanto). Toy Story, seu divo.

Só acredito no semáforo

Heeeey (brother)

   

Que saudade de postar alguma coisa no blog, estou fazendo cursinho de tarde e o terceiro colegial de manhã, então não está sobrando muito tempo, mas estou feliz porque finalmente entendo piadas sobre química orgânica...
Bom, o post de hoje é para você que usa samba-canção e quer que todo mundo saiba e para você, que gosta de ouvir músicas brisantes.

Já ouvir falar da banda Vanguart? 
Vanguart é uma banda de indie rock formada em 2002 em Cuiabá no Mato Grosso, pelo vocalista e violonista Helio Flanders. Além do gás Helio, a banda é constituída por Reginaldo Lincoln, que além do sobrenome legal, toca baixo, bandolim e canta, o David Dafré, outro sobrenome legal, ele toca guitarra, o Douglas Godoy, que não acho um sobrenome muito legal, mas ele toca bateria, o que torna ele uma pessoa legal, o Luiz Lazzaroto, que deve ter descendência italiana, ele toca teclado e piano, o que o torna fodão e a única e não menos importante mulher do grupo, Fernanda Kostchak, que tem um sobrenome legal e toca violino de forma legal.
Selfieee

quarta-feira, 2 de abril de 2014

A Violência travestida faz seu trottoir

Não, este post não é sobre violência, travestis ou o rebolado das garotas de programa esperando seus clientes (trottoir). Esse título foi escolhido simplesmente porque acho essa frase legal. Este post fala de palavras.
           
            “Palavras são, na minha nada humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia. [...]”

            Palavras, apenas palavras pequenas. Palavras, momentos.

            Muitos momentos marcantes na minha vida foram possíveis e definidos por palavras, como quando chorei ao ver as que relatavam a morte de Marley (o cão), ou as que me tocaram ao declarar o óbito dos Hubermann, Tonks, Grenouille, Krystal, Mariam, Cinna, Alaska e o menino do pijama listrado. Sem contar a tentativa frustrada de Veronika.
            Veronika decidiu que queria morrer, mas não obteve sucesso. Os Hubermann só queriam viver, mas foram ceifados pela mesma arma que explodiu milhares, arma esta que não tem 1% do poder de destruição que possui o assunto principal do nosso tema de hoje. As palavras alegram, confortam, distraem, consomem, persuadem, atraem, seduzem, induzem, destroçam, salvam, demonstram, enganam, machucam, explicitam e matam.
Sim, matam. 

sábado, 22 de março de 2014

Wake Up, tem um coelho sinistro atrás de você


   Wake up.
   Ou pode ler deitado.


   Esse é um post sobre Donnie Darko, o filme de 2001 com o Jimmy bolha em um filme diferente, a Drew Barrymore como professora e o coelho mais sinistro que eu já vi em toda a minha vida.
   O post contém spoilers. Todos os spoilers possíveis. Leia se já tiver visto o filme ou se nunca verá.

sexta-feira, 7 de março de 2014

Era uma vez, em Hollywood #Princesas



     Creio que vocês todos já compararam personalidades com personagens de longas animados ou pelo menos se decepcionaram ao assistir um filme, adaptação do desenho ou não, cuja personagem não fosse caracterizada como esperávamos. No primeiro post dessa saga, trago as princesas Disney e com elas as personalidades que poderiam interpreta-las que eu não teria reclamações. (Ok, princesas é um termo meio muito complicado para se usar aqui, pois muitas são questionáveis ou totalmente povão; são então as protagonistas femininas mais legais)






quinta-feira, 6 de março de 2014

Resenha: O Destino de Daenerys




Hey!

Vocês devem ter acompanhado nos noticiários de TV e rádio que o Th3 Perks conseguiu uma parceria com a Editora Imagini e logo que fizemos a parceria, foi mandado para nós o ebook do livro O Destino de Daenerys (cuja a capa fodona é da foto alí do lado) da autora Marjorie Barth.


A história se baseia na vida de Catarina - Kate para os íntimos - que após sofrer um acidente de bungee-jump fica em coma e no suposto delírio do coma, ela conhece o anjo Sawyer e se apaixona.
Depois de sair do coma e voltar pra escola, ela esquece de tudo que "sonhou", porém um aluno novo chama a atenção dela e ela o reconhece de algum lugar, depois de um tempo, revela-se que o aluno é Sawyer.
Acontecimentos surgem, pessoas morrem, até que ela conhece Djin que diz poder realizar três desejos de Kate, porém esses desejos podem ter consequências que nem ela pode imaginar.


O livro O Destino de Daenerys foi uma experiência agradável, apesar de que a história poderia ter sido explorada um pouco melhor como com uma maior descrição de fatos. A leitura foi rápida e sucinta (eu amo essa palavra). A personagem que mais gostei foi a Elizabeth - Liz para os íntimos -, a melhor amiga da Kate, o jeito extrovertido e animado dela me cativou. O livro nos mostra que todas as nossas ações resultam em uma consequência e para Kate, aprender isso foi doloroso. 

Espero que tenham gostado da resenha e espero que vocês o leiam e só para não perder a piada:

“E eu sou Daenerys, nascida na Tempestade, Daenerys da Casa Targaryen, do sangue de Aegon, o Conquistador, e Maegor, o Cruel, e da velha Valíria antes deles."

Até mais galerinha apaixonada por anjos
~rod

terça-feira, 4 de março de 2014

Louvor ao Monstro de Espaguete Voador



Yeh!
Antes de começar o post, quero dizer que caso você seja um/a religioso/a fanático/a, recomendo não ler esse post, ou leia, caso você seja radical e coloque bastante Nescau no seu leite...

Já ouviu falar do Pastafarianismo? Não? Bom, nem eu até essa semana na minha aula de Sociologia.
O Pastafarianismo é uma religião fundada por Bobby Henderson em 2005. Sua fundação deu-se como um protesto contra o conselho educacional de uma escola na cidade de Dover, Pensilvânia (EUA), de exigir dos professores de ciências o ensino do criacionismo (que ao contrario do evolucionismo, acredita que foi deus que criou tudo) e do design inteligente, como alternativa à teoria da evolução biológica nas aulas de disciplinas científicas correlatas.
A origem da palavra Pastafarianismo é das expressões pasta (macarrão em inglês) e rastafari (movimento religioso africano). A finalidade do protesto é mostrar que o criacionismo e o design inteligente, e até mesmo o pastafarianismo, não devem ser ensinados na escola.
Assim como muitas religiões, o Pastafarianismo também possui uma serie de "deveres" para o individuo ter uma vida livre de pecados, essas recomendações foram dadas pelo Monstro do Espaguete Voador ao pirata Mosey.
Monsey recebendo as tábuas do Monstro do Espaguete Voador.
Originalmente, eram 10 Condimentos (os piratas não conheciam a palavra "mandamento" na época), porém Mosey perdeu dois deles enquanto descia a montanha tentando se equilibrar com as tábuas nas mãos, portantos os Pastafarianos seguem apenas 8 condimentos:


" 1. Realmente preferiria que você não agisse como um santarrão imbecil que se acha melhor que os outros quando descrever minha santidade espaguética. Se alguns não creem em mim, não tem problema. Na verdade, não sou tão vaidoso. Além disso, isso aqui não é sobre eles, então não mude de assunto.
2. Realmente preferiria que você não usasse a minha existência como um meio para oprimir, subjugar, castigar, eviscerar, ou ... você sabe, ser mau para com os outros. Eu não peço por sacrifícios, e a pureza é para a água potável, não para pessoas.
3. Realmente preferiria que você não julgasse as pessoas por seu aspecto, ou por como se vestem, ou pela maneira como falam, ou... olhe, seja simplesmente bom, está bem? Ah, e que te entre na cabeça: mulher = pessoa, homem = pessoa, igualzinho = igualzinho. Nenhum é melhor que o outro, a menos que falemos de moda claro, sinto muito, mas isso eu deixei às mulheres e a alguns homens que conhecem a diferença entre verde mar e fúcsia.

segunda-feira, 3 de março de 2014

Book Tour - Terras Metálicas


   Hey pessoal \o/


   Fico novamente feliz em informar que o Th3 Perks, seguindo a filosofia do Charlie, está participando mais. Como viram, fechamos parceria com a Editora Imagini, iniciamos parceria com o blog Desbrava(dores) de Livros (que, ao contrario da Natália d'O Bode com a Onça, eu não conhecia antes do blog!) e, graças à Natália, estamos participando de um Book Tour.

Não cliquem na imagem pra mais informações, porque esse post são as informações.
 
   Caso não saibam, um Book Tour é realizado pelo autor do livro em parceria com um blog, um livro é cedido por ele e dado nas mãos de um(a) blogueiro(a), que se organiza com outros blogs para que o livro seja enviado de um à outro, um power tour cultural.
   Esse book tour foi organizado pela blogueira Carolina, do Página 394, e o autor Renato Nonato. Bom, sabem que eu ainda não li o livro, por isso a sinopse vem abaixo, direto da Saraiva:

   "A última Guerra lavou a atmosfera com uma massa nuclear, tornando-a incapaz de sustentar a vida. Para continuar sobrevivendo, a humanidade precisou se adaptar, isolando-se numa atmosfera artificial: a Esfera, local onde tem se mantido com o passar das gerações. A utopia da sociedade reinou desde então, com a paz sendo mantida com mão de ferro pela Elite. Mas essa paz pode acabar...Raquel é uma recém-formada em primeiro nível na Academia, que passa seu tempo livre entre Saturno – o parque temático da Esfera – e divagações sobre seu sonho de voar. Ao iniciar uma nova etapa de vida, ela vai encarar a cerimônia de implante que pode tornar esse sonho realidade, se a habilidade dos Túneis lhe for conferida. Mas essa nova etapa também vai levá-la por caminhos perigosos...Raquel descobrirá que o IA, responsável por todos os sistemas de sobrevivência da Esfera, está com os dias contados. Como manter a sanidade sabendo que a vida tal qual você conhece está para acabar? Raquel ainda não tem essa resposta, mas vai precisar encontrá-la. E para isso ela precisará, mais do que nunca, da ajuda de seus amigos...Tashi, Tales, Ângelo, Camila, Liceu, Isabela e Nirvana lhe darão sustentação quando tudo o mais na utópica Esfera estiver ruindo."

   Caso queiram comprar, está por R$39,90 na Saraiva (porque peguei a sinopse de lá) e R$27,93 no Submarino (porque gosto de lá).

   Os blogs participantes desse Book Tour são a própria Natália, o Pág 394, Mãe, tô escrevendo, My Queen Side, Geek & Pop e Da Literatura.
   Quero fazer um comentário aqui nada a ver, mas o banner do blog Da Literatura, com aquele padrão de poá vermelho e branco, me lembrou enormemente o plástico com o qual eu encapava meus livros no ensino fundamental, e achei isso perfeito.
   Estamos esperando ansiosamente o começo, enquanto tudo é organizado, e assim que o livro chegar até nós, eu avisarei aqui. Agora vão comprar o livro.

~Gio


terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Parceria - Editora Imagini

Primeiramente, boa noite. Segundantemente:




   É isso aí, meu amores, o Th3 Perks orgulhosamente anuncia a parceria com a Editora Imagini, uma editora recente que apoia e luta pelo espaço de autores nacionais no mercado literário. Tudo que poderíamos querer, não é? A nossa reação com o recebimento do e-mail foi muito parecida com a do Charlie, mas agora somos parceiros de uma editora, então sem "abaixo da média!" pra nós.
   Ficamos muito felizes com a parceria porquê, além de ser a nossa primeira (que lindo, alguém bate foto), é com uma editora que respeita seus autores e parceiros.
   Faremos com que seja duradoura, então.

   A Imagini está também com uma promoção super legal pro carnaval, até amanhã, vão lá correndo que ainda dá tempo, o link da page no nome da editora. E aqui também, por via das duvidas.

Só pra demonstrar que estou feliz de verdade.

~Gio

Fenômenos interessantes do seu Cérebro #1 - Pareidolia


Olá, humano. Hoje vamos falar de alguns fenômenos psicológicos interessantes que acontecem em nosso cérebro e que seria importante para você saber. São conhecidos também como “bugs” do nosso cérebro.
Vamos começar falando do mais comum: a pareidolia. Sabe quando você observa as nuvens e vê formas nela? Ou quando enxerga rostos em objetos que não tem nada a ver com faces ou coisas do tipo? Isso é a pareidolia.


 Repare que parece ter Jesus no orifício do cão. E não é um milagre.

E por que acontece esse fenômeno? É bem simples: o seu cérebro cria padrões em tudo o que chega até ele, desde sons até o que os seus olhos captam. E são esses padrões que dão o significado pra aquilo que na verdade não tem nenhum.
O teste de Roschach, aquele com as manchas pra você atribuir um significado, explora a pareidolia para tentar extrair coisas da nossa mente de forma não explícita.


~Jon

sábado, 22 de fevereiro de 2014

Vale a pena ver de novo #2 - Colecionáveis

   Olôu \o
   Sabem porque estou aqui, e é pra fazê-los sentirem-se nostalgicos, velhos, sem infância, sem chão, crescidos, fim da vida, quase no bico do corvo de tanta depressão. Espero que sobrevivam a esse misto de feliz e triste feel like Charlie.


   O Vale a pena ver de novo de hoje trata-se de coleções, aquelas de brindes ou coisas do tipo que nunca mais foram as mesmas depois do fim de nossa infância. Boa sorte, e tente não morrer.


quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

THE PERKS OF BEING A PHILOSOPHER – Céu de Baunilha #2

~leia a primeira parte aqui~

    Nada mais é real, tudo mudou de repente e você se vê diante de um saco de lixo e um campo que seria a coisa mais melancólica que seus olhos já presenciaram exceto pelo imutável céu baunilha. Ele continua lá, como se te observasse de longe decidindo qual seria o próximo passo dessa jornada sem sentido. Você pega o saco negro nas mãos e fecha os olhos mais uma vez tentando raciocinar, mas um cheiro de enxofre cobre o ar e você não consegue mais pensar na paz ou no amor, apenas no ódio. O sentimento mais primitivo, o que mais revela sobre a real natureza humana. O ser humano erra, é inevitável. Isso porque os animais irracionais tem a natureza para tomarem as decisões por eles, nós temos que tomar as nossas. E sempre erramos.
    Não existem escolhas certas ou erradas, no final tudo acaba no mesmo ponto: a morte. Você, no impulso, havia rasgado o saco de lixo e, quando abriu os olhos novamente, o céu estava escuro como uma noite comum. Você buscou pela Lua, mas não a encontrou. Lembrou-se de ler em algum lugar que um ser mágico de um mundo encantado uma vez disse que o homem sábio teme a noite sem luar. E então veio a súbita compreensão: não adiantava fugir do seu destino, o final seria sempre o mesmo. A morte é uma coisa que se pode adiar, mas nunca fugir. Você sabia disso e sabia também que nada na vida fazia sentido. Não entendia que significado teriam uma flor e um saco de lixo embaixo de uma árvore sob a vigilância constante de um belíssimo céu cor de baunilha.
    Na verdade, você nunca entenderá. Eu criei tudo isso, não você. Eu só o conduzi por onde eu queria que a sua mente fosse e você foi meu passageiro, não importa se homem ou mulher, nesse mundo imaginado não existe distinção de sexo. E além do mais, todos os objetos foram fruto da aleatoriedade da minha mente, então posso afirmar que nem eu sei de onde vieram. Vaca. Os pensamentos aleatórios nunca são aleatórios, todos eles vêm de uma parte comum da nossa mente, de onde vêm as memórias. Do outro lado está a criatividade.
    A criatividade que me permitiu criar tudo isso, você também tem. Sério, onde está escrito que eu sou algum tipo de especialista em alguma área? Apague tudo o que você leu vindo de mim, eu não sou nada, eu inventei até a parte dos lados dos cérebros e da mente humana, tudo. ENTENDEU? NADA É REAL, APAGUE TUDO. NÃO DEIXE RESQUÍCIOS OU EU VOU TE DEVORAR ENQUANTO DORME.
    Por favor, permita-me que eu me apresente, sou um homem de riqueza e bom gosto. Estou por aí por longos e longos anos, roubei de muitos homens alma e fé. Meu nome é John Milton e eu sou o diabo. Você, meu filho, virá para o meu lado. Não importa o que faça, a vaidade sempre te trará para mais perto de mim. Eu sou o belo, o atraente. Eu sou o olhar por trás do céu de baunilha que te aquece e vê até o fundo da sua alma. Eu sou o retrato inverso da perfeição que você aprende na igreja, sou a perfeição real, sem filtros morais ou vergonha de parecer louco perante o olhar de falso moralismo das pessoas que no fundo querem apenas ter a coragem que viram demonstrada e desmancham-se de inveja ao perceberem que não são capazes. Elas nunca serão, mas eu e você ainda podemos ser salvos. Eu sou o céu de baunilha e você é minha flor, com o magnífico tom vermelho vivo do seu sangue que foi derramado ao ser atingido pela realidade.
    Prazer em conhecê-lo, espero que adivinhe meu nome. Mas o que te intriga é a natureza do meu jogo. Quanto mais você cava, mais difícil será sair do próprio buraco.

~Jon

sábado, 15 de fevereiro de 2014

As Vantagens de Ser Cheiroso e não Precisar de Aromatizador de Ar

*Crédito do título ao Jon*
Ahoy
   Esse post é sobre um assunto inesperado, uma das minhas inconformidades voltadas pra publicidade (comerciais da Colgate, aguardem sua vez). Já disse isso antes, mas é sério, eu fico realmente revoltada com pequenas coisas, e não consigo esquecê-las. Esse é um caso classico, que toda vez que passa o bendito comercial eu tenho 30 segundos de revolta: Glade Automatic 3 em 1. Segue o troço abaixo:


Não achei em português, mas serve

   Como podem perceber, há duas coisas extremamentes tontas nesse trem. 1° o marido passa pela mulher e faz cara de "nossa, parabéns", como se ele ligasse plenamente pro aromatizador e pro cheiro da casa, ou, como a hipotése da minha mãe, ele ache que o cheirinho de tirador de mofo é o perfume da esposa. Tipo, pqp. 
2° a frase "Se você mudasse o design do seu aromatizador, ele provavelmente seria assim." Quem.disse.que.seria.? Você.por.acaso.pediu.minha.opinião.Glade? NÃO.SERIA.ASSIM.
   Sim, isso me revolta. E muito. Não que o bagulho seja realmente feio, acho até bonitinho, mas nunca que algum ser vivo iria cogitar aquele design pro aromatizador caso quisesse mudá-lo. "Ah, não gosto do design do meu aromatizador. Já sei! Gostaria que ele fosse igual o comercial da Glade! Sempre o imaginei assim, vocês leram minha mente, equipe publicitária!". Não vou ficar manifestando minha ira não, porquê ela é infinita, fiz o post para apresentar minhas versões do aromatizador que possuem um design de imaginação em massa plausível (?).

Segue após a quebra de post para fazê-los perder um tempinho e não deixar nossa primeira página cheia de imagens:

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

O fabuloso mundo de Rachel Sheherazade

Hey!
Faz um tempão que não faço nenhum post, mas é porque eu estava com muita preguiça muito ocupado com a escola (último ano:(  ) e outras budegas.

Você sabe quem é Rachel Sheherazade (não faço ideia de como pronuncia corretamente saporra)?
Rachel Shejaksjausxd é uma jornalista brasileira nascida em 5 de setembro de 1973 na cidade João Pessoa que curiosamente tem 428 anos. Essa jornalista contém sua própria página no Wikipedia, e é uma das poucas pessoas que eu conheço que tem um tópico intitulado "Polêmicas" maior que a Biografia e Introdução juntas.
Atualmente ela trabalha no jornal televisivo SBT Brasil, dividindo a bancada com Joseval Peixoto. Dentro do jornal ela sempre tem seu momento de brilhar, e esse momento é um espaço concedido à ela para dar sua opinião sobre uma notícia em questão, desde Marco Feliciano, até Justin Bieber.
Recentemente o canal  Quatro Coisas fez um vídeo de humor onde a nossa querida Rachel Sharizard comenta sobre o seriado Chaves e o filme Vingadores, confiram:

Boatos dizem que ela vai ser garota propaganda do novo filme de Os Vingadores... 

Bom esse foi o post de hoje, agora que você conhece a icônica e diva Rachel Sheaskjase espalhe pelo resto do país que o mundo acabará em 2023, porque esse ano seria um bom ano para o mundo acabar...
p.s.- duvido você falar Rachel Shererazade três vezes rapidamente sem errar.
Até mais galerinha Belieber
~rod

domingo, 9 de fevereiro de 2014

Carta da Semana #12


9 de fevereiro de 1992

Querido amigo,
Tenho de dizer uma coisa sobre minha última carta. Eu sei que Sam nunca me convidaria para dançar. Sei que ela traria Craig, e se não fosse Craig, então o Patrick, porque a namorada de Brad, Nancy, foi com Brad. Acho que Mary Elizabeth é muito esperta e uma pessoa legal, e estou feliz que ela seja meu primeiro encontro. Mas depois que disse sim, e Mary Elizabeth anunciou isso ao grupo, eu queria que Sam ficasse com ciúmes. Sei que é errado querer uma coisa assim, mas eu realmente queria.
Mas Sam não ficou com ciúmes. Para dizer a verdade, acho que ela não poderia ter ficado mais feliz, o que foi duro. Ela chegou a me dizer como tratar uma garota em um encontro, o que foi muito interessante. Ela disse que, com uma garota como Mary Elizabeth, você não deve dizer que ela está bonita. Deve dizer a ela como sua roupa é legal, porque a roupa é uma escolha dela, enquanto o rosto não é. Ela também disse que, com algumas garotas, você deve fazer coisas, como abrir a porta do carro e comprar flores, mas com Mary Elizabeth (especialmente em sua festa Sadie Hawkins), eu não devia fazer isso. Então perguntei a ela o que devia fazer e ela disse que eu devia fazer um monte de perguntas e não me importar se Mary Elizabeth não parasse de falar. Eu disse que isso não parecia muito democrático, mas Sam falou que ela faz isso o tempo todo com os garotos.
Sam disse que as coisas sexuais eram complicadas com a Mary Elizabeth, porque ela teve namorados antes e é muito mais experiente do que eu. Ela disse que a melhor coisa a fazer quando eu não souber como agir durante qualquer coisa sexual é prestar atenção em como a pessoa está te beijando e beijá-la da mesma maneira. Ela disse que isso é muito sensato, e eu certamente quero ser.
― Você pode mostrar para mim? ― perguntei.
E ela respondeu:
― Não banque o espertinho.
Conversamos como às vezes fazemos. Isso sempre me faz rir. Depois que Sam me mostrou um isqueiro Zippo, eu perguntei mais sobre Mary Elizabeth.
― E se eu não quiser fazer nada de sexual com ela?
― Diga apenas que não está pronto.
― E isso funciona?
― Às vezes.
Eu queria perguntar a Sam sobre o outro lado de "às vezes", mas não queria ser muito inconveniente e não queria saber com tanta profundidade assim. Gostaria de deixar de ser apaixonado pela Sam. Eu gostaria muito.
Com amor,
Charlie.

~rod

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

THE PERKS OF BEING A PHILOSOPHER – Céu de Baunilha #1


Olá, meus caros. É por meio deste que venho informa-los de que vocês têm um cérebro. Sim, talvez você saiba disso, mas é sempre bom lembrar. O fato de você ser racional te dá uma enorme vantagem sobre os demais seres vivos. Sim, provavelmente se você fosse burro não sobreviveria com esses dentinhos chatos e frágeis ou essas unhas delicadas. Sem falar que suas patas não foram feitas pra correr mais rápido do que um predador nem mais rápido que uma presa. Até seus olhos te condenam: apontados pra frente como quem foge, como quem corre em linha reta, pois se olhar pra trás, morre.

Bom, eu considero esse um bom motivo pra você usar seu cérebro, um presente desses não se recebe todo dia e tem que ser valorizado. Pois bem, vamos pensar então. Colocar pra funcionar o nosso órgão responsável por todos os outros. Assim sendo, imagine-se num campo. Não de algum esporte, apenas um campo aberto, com grama verde a perder de vista e apenas uma, nada mais que uma árvore no seu campo de visão. Você se encontra embaixo dela.
    O céu sem nenhuma nuvem e você percebe que não consegue encontrar o Sol em parte alguma, mas mesmo sem Sol e sem nuvens, você vê o brilho da luz solar e sente o calor. E o céu tem uma coloração baunilha que você acha linda e muito intrigante. Como o céu cor de baunilha de alguma obra de arte famosa que você não lembra o nome. 
    De repente, como se sempre estivesse ali, você vê um saco de lixo do seu lado e, ao lado dele, uma flor. Você não consegue distinguir qual é a flor, mas ela é linda e tem a cor vermelha viva que certamente você notaria se ela estivesse ali antes. Claro, pois nesse momento, no seu mundo, existe apenas uma árvore, um gramado infinito, um saco de lixo e uma flor, iluminados pelo misterioso céu de baunilha deficiente de um Sol ou qualquer sinal de atmosfera.
    Você apanha a flor e olha para ela, tendo como plano de fundo o magnífico céu baunilha. É a coisa mais linda que seus olhos já contemplaram. Não que o amor não seja lindo, mesmo que você tenha até agora sentido apenas resquícios dele. Quem sabe até não se aventurou por sentimentos mais profundos e bonitos. Mas isso é natural. Tanto quanto uma folha rodopiando ao vento ou as ondas que um toque provoca na água.
     Você então percebe que eles foram feitos um para o outro e subitamente sente a mudança no ar. Uma brisa suave cobre sua face e você fecha os olhos para aproveitar. É como um suave toque da pele mais macia que já existiu acariciando sua face, então você viaja nos próprios pensamentos e a paz toma conta da sua mente. Você comete o erro de relaxar em território desconhecido e de repente as coisas mudam.
     O vento sopra forte repentinamente, como um tapa na sua face despreparada. Sua mão é tomada pela dor lancinante de espinhos e você se vê segurando uma flor sem vida, murcha e cheia de espinhos. Ela se desfaz como se nunca tivesse existido, mas deixa suas marcas. Ah, o sangue em suas mãos. Ao cair a primeira gota no gramado verde, tudo se transforma em natureza morta. Todo o gramado se transforma em uma terra seca e sem vida e a árvore se desfaz em cinzas. 


    Continua em breve.


~Jon




sábado, 1 de fevereiro de 2014

Aquele em que falamos sobre vestidos de noiva

   Olôu pessoal \o
   Uma coisa engraçada sobre fazer posts é que as vezes você abre o painel do blogger sem ter a minima ideia de sobre o que escrever, e acaba lembrando de uma imagem enterrada em alguma pasta que te da uma luz legal. Acabou de acontecer isso, então vamos ao post.
   Se você não entendeu o título quer dizer que você não viu Friends. Se você não viu Friends, comece nesse exato minuto, nem acabe de ler o post. Só comente, compartilhe, marque amigos, poste em sua página, faça parceria, públique nosso link e vá ver Friends.


    Continue depois de ver Friends. Ou seja rebelde e leia.

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Carta da Semana #11


2 de fevereiro de 1992

Querido amigo,
Pé na estrada era um livro muito bom. Bill não me pediu para escrever um trabalho sobre ele porque, como eu disse, era "uma recompensa". Ele me pediu para visitá-lo em sua sala depois da aula para discutir o livro, e foi o que eu fiz. Ele fez chá, e eu me senti um adulto. Ele até me deixou fumar um cigarro na sala dele, mas me aconselhou a parar de fumar por causa dos riscos para a saúde. Até tinha um folheto na mesa dele, que me deu. Agora uso como marcador de livro.
Achei que Bill e eu íamos conversar sobre o livro, mas terminamos falando de "coisas". Foi ótimo ter tantas discussões. Bill me perguntou sobre Sam e Patrick e meus pais, e eu contei a ele sobre minha carteira de motorista e a conversa no Big Boy. Também contei a ele sobre meu psiquiatra. Mas não falei da festa ou de minha irmã e o namorado. Eles ainda estavam se vendo em segredo, o que minha irmã diz que só "inflamava a paixão".
Depois que falei a Bill de minha vida, pedi que ele falasse da dele. Foi legal também, porque ele não tentou ser legal e se relacionar comigo ou coisa assim. Ele estava sendo ele mesmo. Disse que fez a graduação em uma faculdade do Oeste que não dava notas, o que achei peculiar, mas Bill disse que foi a melhor educação que ele teve. Ele disse que me daria um prospecto de lá quando chegasse a minha hora.
Depois que foi para a Brown University, para a pós-graduação, Bill viajou pela Europa durante algum tempo, e, quando voltou para casa, se filiou ao Teach for America. Quando este ano acabar, ele acha que irá para Nova York e escreverá peças de teatro. Acho que ele ainda é muito novo, embora eu pense que seria rude dizer isso a ele. Perguntei se ele tinha namorada e ele disse que não. Ele pareceu triste ao dizer aquilo, também, mas decidi não me intrometer porque achei que seria muito inconveniente. Depois ele me deu outro livro para ler. Chamava-se Naked Lunch.
Comecei a ler quando cheguei em casa e, para dizer a verdade, não sei do que o cara está falando. Nunca disse isso ao Bill. Sam me disse que William S. Burroughs escreveu o livro quando usava heroína e que eu devia "seguir o fluxo". Então foi o que eu fiz. Ainda não tenho a menor ideia do que ele estava falando, e então desci as escadas para ver televisão com minha irmã.
O programa era Gomer Pyle e minha irmã estava muito quieta e mal-humorada. Tentei conversar com ela, mas ela me disse para calar a boca e deixá-la em paz. Então assisti ao programa por alguns minutos, mas fazia ainda menos sentido para mim do que o livro e decidi fazer meu dever de casa de matemática, o que foi um erro, porque matemática nunca fez sentido para mim.
Fiquei confuso o dia todo.
Então tentei ajudar minha mãe na cozinha, mas deixei cair uma panela e ela me disse para ir ler em meu quarto até meu pai chegar, mas foi a leitura que tinha começado com toda aquela confusão. Por sorte, meu pai chegou em casa antes que eu pegasse o livro de novo, mas ele me disse para parar de "me aboletar nos ombros dele como um macaco" porque ele queria ver o jogo de hóquei. Vi o jogo com ele por algum tempo, mas não conseguia parar de fazer perguntas sobre os países de origem dos jogadores, e ele estava "descansando os olhos", o que significa que estava dormindo, mas não queria me deixar mudar o canal. Então me disse para ver televisão com minha irmã, o que eu fiz, mas ela me disse para ajudar minha mãe na cozinha, o que eu fiz, mas ela me disse para ler em meu quarto. E foi o que eu fiz.
Já li cerca de um terço do livro e até agora está muito bom.
Com amor,
Charlie.

~rod

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Vale a pena ver de novo #1

   A definição da wikipédia de Nostalgia é "um termo que descreve uma sensação de saudade idealizada, e às vezes irreal, por momentos vividos no passado associada com um desejo sentimental de regresso impulsionado por lembranças de momentos felizes e antigas relações sociais. A nostalgia é diferente da saudade, pois a última é direcionada a um alvo ou momento especifico e até pode ser superada pela presença ou repetição, já a nostalgia não pode ser superada no campo físico pois diz respeito somente a uma visão idealizada de passado que cada um possui."
   É uma definição muito boa, não estou aqui pra questioná-la. Esse post procura só e unicamente fazer com que sintam isso, você caro adolescente-com-sintomas-sociais-da-velhice ou simples admirador do próprio passado. Eu particularmente entro em colapso quando vejo este vídeo:

Preste bem atenção na mensagem que você vai assistir agora.



Agora algumas fotos que vão fazer você se sentir  um perdido no mundo que não quer crescer mais.

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Óde ao Comedia MTV #1

Hey!
O post de hoje é um post para animar você, galerinha que está com depressão porque as aulas vão começar de novo e esse é seu último ano do Ensino Médio e daqui a alguns meses irá ter os vestibulares que decidirão sua vida para sempre. Ao contrário da Gio que consegue ficar feliz com a volta das aulas, eu não estou, e nunca estarei.

Um dos programas de maior sucesso no gênero da comédia é o Comédia MTV, que estreou em março de 2010 e acabou em dezembro de 2012, pois tudo que é bom dura pouco, assim como danoninho. O programa era composto por diversas esquetes de variados temas com vários atores de diferentes estilos.
Inicialmente o programa era composto pelos humoristas Marcelo Adnet, Dani Calabresa, Rafael Queiroga, Fábio Rabin,Bento Ribeiro, Guilherme Santana, Tata Werneck, Paulinho Serra e Rodrigo Capella, porém a partir de 2012 permanecem apenas Marcelo, Dani, Bento, Tata e Paulinho, pois os outros saíram por motivos que eu estou com preguiça de contar.
A partir de março de 2012 o programa muda consideravelmente e passa a se chamar Comédia MTV ao Vivo, que era transmitido ao vivo e em tempo real.
O programa já recebeu o Prêmio APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) de Melhor Programa de Comédia 2010, além disso foi um dos responsáveis pelo rápido aumento de audiência da MTV, que hoje em dia está falida e sem o Comédia MTV (coincidência? deixo essa pergunta no ar galerinha).
Vou colocar algumas esquetes que eu gosto para vocês gostarem também, confiram aí:

Começando pela diva Roxanne: "meus filhos vão ter, nomes insanos"




Post Inútil #1 - Cadernos, esmaltes e tudo que há de bom

    Olôu
    Aulas, obrigada por finalmente estarem chegando. Já compraram seus materiais? Pra começar, acho incrivel como na escola particular da minha amiga a lista de materiais foi enormemente gigante e como na minha escola se você não levar nem caneta na primeira semana você pode dizer "Não tenho material, o governo ainda não entregou". Só comentando mesmo porque fiz a moça da loja rir com isso. É, sei que não foi engraçado, mas é verdade e provavelmente ela riu por educação. Na mesma loja, em que vou todos os anos, eu escolhi 5 cadernos diferentes, e vocês podem imaginar a lotação que é uma loja de materiais barata uma semana antes de as aulas começarem (um dia eu não deixarei tudo pra ultima hora, MAS ESSE DIA NÃO É HOJE!). Pois bem, atropelei umas três crianças pra encontrar o caderno que eu queria, não achei, pensei em voltar e minha mãe colocou a mão na primeira prateleira que viu, puxou o primeiro caderno e disse "não quer esse?", e sim, era o caderno que eu estava procurando desde que entrei na loja. Obrigada, mãe. Depois disso, enquanto eu debatia silenciosamente qual dos cinco levaria, uma mulher me perguntou o preço de um deles (da Moranguinho/Maçãzinha totalmente cheio de glitter na capa) e começou a se aproximar do meu caderno. Eu comecei a colá-lo mais ao corpo, sua mão chegou nele e com uma voz calma ela me perguntou se eu o levaria. Gaguejei pra responder que provavelmente. Ela teve que achar outro. Não levei. Vejam meus cadernos:

Foto dos adesivos porque simplesmente não há outra razão para se comprar um caderno

   Eu sei que são lindos. Cruella, você ficou absolutamente diva nessa capa, apesar de eu sentir saudades da versão do Cheshire, porquê era o Cheshire; mas eu supero.
   Agora não sei muito bem o que falar nesse post, porque eu realmente só queria mostrar meu caderno Disney. O outro também pra ele não se sentir excluido e porque tem páginas bonitinhas. Já que estou falando em compras, posso dizer que comprei o meu mais novo esmalte favorito. Sinceramente achei que nunca nenhum esmalte tiraria Rock in Roll, Isabeli Fontana, da Risquè do meu pódio, mas Obra de Arte, da Impala - coleção Art Love - acabou por cair dos céus até mim. E em promoção. Comprei mais um da Art Love, o Ateliê Chic, que tem a cor do capucchino que eu faço, que na verdade é leite com chocolate e nada de café, e eu nunca faço, então não sei porque me lembra tanto capucchino. Só sei que estou apaixonada por essa coleção. Comprei mais um por compulsão, mas ele tem "poderoso" no nome, então me arrependi um pouco, por isso nem direi qual é. Comprei também uma camiseta do Taz, da Warner, numa loja daquelas criadas exclusivamente de pobres para pobres, com preço único e estampas de "Eu <3 Jesus" (nada contra quem ama Jesus). A do Taz ficou bem legalzinha em mim, e então eu vi uma estampa "do AC*DC" que me fez rir ou emputecer ou os dois, não sei.

não pira, gente

    A moral aqui é: lojas de preço único são uma porcaria, mas sempre podemos encontrar algo relativamente bom ou menos terrível nelas. O que não inclui a camiseta à cima.
   Dia 22 acabou sendo um dia bem estranho, um daqueles com bastante oscilações de humor, imprevistos, dor no pé por conta da sapatilha nova e finalmente a devolução de um cabo que Jon havia esquecido na minha casa. Eu odeio quando esquecem coisas comigo. Eu ia dormir pensando em devolver aquele cabo. Eu acordava pensando em devolver aquele cabo. Eu não poderia ser feliz de novo até devolver aquele cabo. A sensação de liberdade e de "agora se der merda a culpa não será minha" foi gigantesca. Infelizmente acabei atrasando o coitado, e ele teve que sair de meias pra pegar o cabo no carro, nem sei porque contei isso, mas no momento foi uma cena divertida. A parte ruim é que tive que ver minha mae xingar todos os funcionarios de uma loja de ferramentas porque comprou uma maleta quebrada e não a tinham para troca e tive que falar no telefone duas vezes. É, eu odeio falar no telefone; depois que a conversa já foi iniciada, tudo bem, mas eu preciso de preparação mental para ter coragem de discar o número, e podem ter certeza que eu pensei no que dizer primeiro no minimo 5 vezes antes de ligar. E, sinceramente, faço bem com essa prática, ou conseguiria ser pior ainda iniciando um dialogo.


     No fim desse post inútil, só queria dizer que ele é ínutil, que o filme O Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças é ótimo e que ninguem quer assisti-lo comigo, que meus esmaltes novos são lindos e que eu estou muito feliz por usar o MSN de novo, mesmo que só para falar com uma amiga, porque a sensação de usar o emoticon de ovelha-viada é divina.




~Gio